segunda-feira, 18 de março de 2013

CASOS CASAS & detalhes




Quando tinha 32 anos, o pintor Claude Monet revolucionou a arte, pintando um quadro que se tornaria o ponto de partida do Movimento Impressionista: "Impressão - Nascer do Sol".

Isso significa que, há 140 anos atrás, uma pessoa (genial) percebeu que o realismo nada significa em face das IMPRESSÕES que as paisagens causavam nas pessoas: a luz, as cores e até mesmo o clima.  Não é preciso nem dizer que os jovens da época seguiram o pintor parisiense pelos arredores da cidade com um único objetivo: tentar reproduzir na tela as emoções suscitadas pelas impressões causadas pela paisagem.

Nos dias atuais, parece que o realismo existe apenas nas telas dos computadores e, como não se "usa" mais fazer isso, ou por pura preguiça, perdemos a chance de nos IMPRESSIONARMOS com a beleza da própria cidade onde moramos.

As fotos de São João acima foram tiradas do São José retratando a Montanha da Torre, da Igreja do Rosário retratando o Largo da Matriz e uma panorâmica da cidade fotografada do Santo Antônio.

Fotos: Serjão Missiaggia
Texto: Jorge Marin

5 comentários:

  1. Lindas as fotos.
    Inês.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Adorei as fotos ,fiquei deveras feliz poder reviver,sonhos dessa cidade tao linda morei em Sao Joao ate os 14 anos hoje moro em Belem do Para ,meus amigos estao conhecendo essa cidade linda pelo face nao e maravilhoso Helena Maia

      Excluir
  2. Obrigado, Inês. Bom que as fotos a tenham IMPRESSionado!

    ResponderExcluir
  3. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  4. E as emoções são muitas...
    Reviravolta no olhar, reviravolta na alma.
    Querida cidade, querida terrinha.
    Mika

    ResponderExcluir

BRIGADU, GENTE!

BRIGADU, GENTE!
VOLTEM SEMPRE, ESTAMOS ESPERANDO... NO MURINHO DO ADIL